«

»

jul 15

Por que existem canhotos?

Ser canhoto em mundo criado para destros pode ser um pouco frustrante. Apenas um  exemplo para ilustrar a situação: a imensa maioria de carteiras nos colégios e universidades são feitas para destros. Se você der sorte, uma ou duas carteiras para canhotos estarão te esperando em um canto escuro perto da parede.

Você já se perguntou por que existem canhotos? Por que os destros são dominantes? E ainda, por que, se uma pessoa ou é destra ou é canhota, não temos uma proporção de 50% de pessoas destras e 50% de pessoas canhotas?

Em um passado recente, ser canhoto não era uma característica vista com bons olhos pela sociedade. Professores encorajavam – com palmadas na mão – crianças canhotas a escreverem com a mão direita. A própria palavra “canhoto” é associada a coisas ruins e até ao próprio demônio. E não apenas em português, mas em outras línguas também é assim. Em inglês, os destros são chamados de “right-handed” – que pode ser traduzido também como correto, direito; e, em latim, a palavra utilizada para canhoto é “sinistru”, e significa esquerdo, funesto, ameaçador, assustador.

Pessoas canhotas foram associadas a bruxaria nos séculos XVI e XVII. Isso até tem uma certa explicação científica, já que o gene LRRTM1 – que é um dos genes associados às pessoas canhotas – também está relacionado a doenças mentais como esquizofrenia. Como antigamente era mais fácil falar que era tudo bruxaria e queimar na fogueira para resolver o problema, pessoas canhotas eram tratadas dessa maneira.

Hoje, sabemos que 1 entre 10 pessoas são canhotas na população mundial. Esse padrão, aparentemente, pode ter mais de 500 mil anos. Certamente essa data não é precisa, mas as ferramentas, as pinturas rupestres e os ossos de nossos antepassados contam uma história de que havia canhotos e destros na população como mostrado na imagem abaixo. 

rupestre canhotos

Pois bem, voltando à explicação da existência de destros e canhotos, vamos imaginar dois mundos distintos:

 1) Um mundo competitivo!

Para evitar uma sanguinolência desnecessária, vamos nos basear em esportes. Pense em jogadores de tênis, e que, nesse mundo, todos os tenistas são destros. Uma pessoa canhota resolve que agora ela quer jogar tênis. Os tenistas destros nunca jogaram contra um canhoto, mas o canhoto sabe muito bem como jogar contra um tenista destro, afinal de contas, ele enfrenta adversários que jogam com a mão direita. O canhoto levaria uma grande vantagem nas competições. É muito provável que surjam mais tenistas canhotos vitoriosos em um primeiro momento, mas, depois de um certo tempo, essa característica não seria mais considerada rara. Provavelmente a população de tenistas destros e canhotos chegaria a um equilíbrio de 50% – 50%.

2) Um mundo cooperativo!

Nesse mundo, todos os humanos se ajudam e vivem em plena harmonia. As ferramentas necessárias para a sobrevivência desses humanos têm um padrão em sua produção. Os equipamentos de caça, pesca e coleta de alimentos são desenvolvidos para serem utilizados apenas com uma das mãos: a direita, por exemplo. Como os canhotos não conseguiriam utilizar muito bem essas ferramentas com a mão esquerda, eles seriam menos bem-sucedidos em um mundo cooperativo e tenderiam a desaparecer.

O nosso mundo, principalmente a nossa sociedade, é uma mistura desses dois mundos: o cooperativo e o competitivo. Por isso ainda temos destros e canhotos entre os humanos. Existe até um modelo matemático baseado em esportes que prevê muito bem essa relação de 1/10 em relação a canhotos-destros. Em evolução, isso tem um nome: Seleção por dependência de frequência negativa – ou seja, quanto mais rara uma característica, mais valiosa ela é.

Mas por que os destros dominaram o mundo?

O cérebro da maioria das pessoas funciona da seguinte maneira: o lado esquerdo do cérebro comanda os movimentos do lado direito do corpo e o lado direito do cérebro comanda os movimentos do lado esquerdo do corpo. Além disso, o lado esquerdo também é responsável pelo desenvolvimento da fala na maioria dos humanos. Portanto, quando a espécie humana desenvolveu a fala, paralelamente ela desenvolveu os movimentos do lado direito do corpo.

Todas essas conclusões são hipóteses para tentar explicar o domínio de destros na população. Não entendemos muito bem ainda como o cérebro funciona. Mas você pode ler neste post um pouco da complexidade dessa magnífica máquina que consome grande parte da energia que produzimos.

A testosterona pode também ter um papel interessante nessa história toda. Uma teoria é a de que altos níveis desse hormônio atuando no cérebro estariam diretamente relacionados com o nascimento de crianças canhotas. Isso poderia explicar o motivo de nascerem mais canhotos homens do que mulheres.

Existem, ainda, os ambidestros. Ambidestros naturais não possuem uma mão preferencial e executam qualquer atividade sem pensar muito em qual mão usar. Ser ambidestro a princípio parece ser uma vantagem, mas um estudo da Profa. Alina Rodriguez feito com 8.000 crianças – sendo 87 delas ambidestras – na Finlândia, mostra que crianças naturalmente ambidestras apresentam um maior nível de déficit de atenção, além de problemas com o aprendizado de linguagem e de matemática.

Ter duas mãos que executam a mesma tarefa com qualidade requer um esforço ainda maior do cérebro, por isso pode ser que outras atividades sejam afetadas negativamente. Isso é tão verdade que apenas 1% da população é naturalmente ambidestra. Casos de canhotos se tornarem ambidestros são mais comuns pela necessidade de adaptar-se ao mundo destro.

O mistério da mão preferencial continua e canhotos tem o pior dos problemas! As xícaras de café sempre são servidas para usar com a mão direita.

msO0FlZ - Imgur

 


Esse post foi inspirado nos seguintes artigos:

 Abrams, D., & Panaggio, M. (2012). A model balancing cooperation and competition can explain our right-handed world and the dominance of left-handed athletes Journal of The Royal Society Interface, 9 (75), 2718-2722 DOI: 10.1098/rsif.2012.0211

Rodriguez A, Kaakinen M, Moilanen I, Taanila A, McGough JJ, Loo S, & Järvelin MR (2010). Mixed-handedness is linked to mental health problems in children and adolescents. Pediatrics, 125 (2) PMID: 20100759

Post Relacionados

Não há posts relacionados

Share

2 comentários

  1. leo

    os destros sao mais abundantes pois usam o lado esquerdo do cerebro que e responsavel por um trabalho mais
    logico, racional, e sequencial.oque os deu uma maior vantagem no passado

    1. Luiz Almeida

      Olá Leo!
      Essa ideia de que o lado esquerdo do cérebro é responsável pelo raciocínio lógico e o lado direito é responsável pela criatividade, é na verdade um conceito alternativo, que se propagou devido à interpretações incorretas do trabalho feito por Roger Wolcott Sperry a respeito dos hemisférios do cérebro. É muito interessante o trabalho desse pesquisador (não é a toa ele ganhou um Nobel). Sugiro que você leia o trabalho dele sobre “Split-brain” ou aguarde um pouco e espere um futuro post sobre o assunto! Você me deu ideias para escrever um novo post!

      A explicação de existirem canhotos – além das abordadas nesse post – também é genética, assunto que eu preferi não explicar muito a fundo para não deixar o post muito longo.

      Continue nos acompanhando e comentando!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Share